Meio de informação e divulgação, aberto à iniciativa e participação da comunidade, procurando difundir a actividade local entre 22 de Junho de 2007 a 1 de Outubro de 2013. Obrigado a todos os 75.603 leitores.

Igreja Românica S. Gens de Boelhe (M.N.)
11
Abr 11

 

Boelhe (com)vida

(Re)Abertura do Moinho Cisterna e caminhada pelo património rural e paisagístico mobilizou comunidade

 

Com o objectivo de informar e sensibilizar a comunidade para a importância do património cultural e paisagístico da freguesia, em aspectos como a conservação e sua divulgação, no passado fim-de-semana, de 9 e 10 de Abril, no âmbito do Dia Nacional dos Moinhos, a freguesia de Boelhe assinalou a efeméride com a (re)abertura à comunidade do Moinho Cisterna do Passal Paroquial, uma iniciativa organizada pela Junta de Freguesia e Paróquia de S. Gens de Boelhe.

 

Igreja Românica S. Gens de Boelhe (M.N.) Largo da Arca

 

Com o apoio da sociedade civil, pretendeu-se chamar a atenção da população para o inestimável valor patrimonial do moinho tradicional da freguesia, de forma a motivar e coordenar vontades e esforços de outros proprietários, na recuperação e beneficiação de antigos moinhos outrora fortemente utilizados.

No sábado, o Moinho Cisterna do Passal Paroquial esteve aberto essencialmente à comunidade educativa, jovens e adolescentes da catequese e, no domingo, por ocasião da caminhada à descoberta do património rural e paisagístico de Boelhe, a população e cerca de 250 caminhantes, devidamente acompanhados por um grupo de socorristas, desfrutaram de visitas guiadas e todo um conjunto de actividades e animações associadas à acção de sensibilização, tendo como cenário os trilhos e passagens interpretativas da Serra do Esporão.

 

Trilho da Serra do Esporão Paisagem sobre a Serra do Esporão

 

De acordo com Avelino Silva, presidente do executivo da Junta de Freguesia, estes dias contribuirão para “identificarmos oportunidades, ideias e projectos ou mesmo levar a cabo pequenas beneficiações, limpezas ou reparações”, evidenciando as expectativas e sentimentos que as iniciativas estão a desenvolver na comunidade.

Após uma visita à Igreja Românica de S. Gens de Boelhe, por trilhos e caminhos florestais e rurais, vislumbrados com as paisagens, os caminhantes (re)visitaram as passagens pela serra, outrora local de trabalho na transformação de granitos, as nascentes de água para os regadios ou de pastagem de ovinos e caprinos, longos anos não apagarão da memória os momentos vividos.

 

Panorâmica sobre o ponto mais alto do Esporão (marco giodésico)  Convívio em comunidade no Monte de S. Brás

 

No final, em pleno Monte de S. Brás, decorreu um salutar convívio em partilha entre a comunidade, com cantares e jogos tradicionais, simulação de primeiros socorros, concluindo-se as iniciativas com bastante animação e em que todos puderam participaram.

 

ver fotos (todos os direitos reservados a Napoleão Monteiro, uso sujeito a autorização do autor)

 

publicado por a nossa terra às 01:37

pesquisar neste blog
 
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

13
14
15
16

17
22
23

24
25
27
29
30


links
Força Portugal!
badge
blogs SAPO