Meio de informação e divulgação, aberto à iniciativa e participação da comunidade, procurando difundir a actividade local entre 22 de Junho de 2007 a 1 de Outubro de 2013. Obrigado a todos os 75.603 leitores.

Igreja Românica S. Gens de Boelhe (M.N.)
28
Jan 10

Avelino Anjos Silva está à frente dos destinos da freguesia de Boelhe e vê na criação de uma zona industrial, uma das soluções para um maior desenvolvimento da freguesia.

 

O autarca de Boelhe fala das principais apostas do seu executivo para este mandato, tais como, o saneamento básico e o combate ao desemprego. Salientando também alguns dos projectos que gostaria de ver realizados, desde o alargamento da Zona de construção para incentivar a população mais jovem a fixar-se na freguesia, a construção do Polidesportivo, a construção da piscina pública, a construção da Casa Mortuária e casas de banho públicas junto à Igreja Paroquial, a remodelação dos pistões e fontanários de águas públicas, entre outros.

 

Sr. Presidente, Avelino Anjos Silva estava à espera de ser eleito?

Era algo que já estava à espera, até porque dediquei-me na totalidade ao longo de 24 anos como secretário da Junta de Freguesia ao desenvolvimento da freguesia e todas as mensagens de apoio, que carinhosamente recebi da minha equipa e da comunidade, assim o indicava.

 

Que motivos o levaram a candidatar-se?

O enorme gosto por viver pela freguesia de Boelhe e pelo facto de fazer parte de várias instituições da freguesia e participar no desenvolvimento das suas actividades.

 

Quais os projectos que a Junta de Freguesia de Boelhe tem previstos para este mandato?

Pretendemos reparar as actuais e abrir algumas novas ruas, alargar a Zona de construção para incentivar a população mais jovem a fixar-se na freguesia, a construção do Polidesportivo, a construção da piscina pública, a construção da Casa Mortuária e casas de banho públicas junto à Igreja Paroquial, dirigindo-nos e apoiando diariamente a população.

Queremos também apostar na rede de saneamento básico e águas pluviais de forma a permitir melhorar a qualidade de vida de da população da freguesia e a remodelação dos pistões e fontanários de águas públicas, entre outros.

 

Existe algum projecto especial que gostasse de ver concretizado?

Sim. A criação de uma zona industrial para que possam surgir mais postos de trabalho, sendo que já existe um terreno para o efeito.

 

Que tipo de carências a freguesia apresenta?

O desemprego é um dos problemas mais graves da freguesia de Boelhe. Alguns trabalhadores viram-se obrigados a deslocar-se para Espanha devido à falta de trabalho, sendo que o sector feminino tem sido o mais afectado.

Há também necessidade de um médico de família para a população que não possui, assim como do reforço de atendimento no posto de saúde, evitando a deslocação dos utentes durante a madrugada para conseguir uma vaga.

Outro dos problemas que urge dar resposta é a ausência de saneamento básico na freguesia.

 

Existe algum troço de estrada que deve ser beneficiado na freguesia?

Sim. È necessário melhorar a estrada que liga as freguesias de Boelhe e Peroselo, assim como a construção de passeios para peões em toda a extensão da Estrada Nacional nº 312, o seu alargamento e reparação, reforçando a sinalização e iluminação pública.

 

Qual é a situação da freguesia ao nível da rede escolar?

No âmbito escolar a freguesia dispõe da Escola Primária de Bairros Nº 1, Escola Básica Nº 2 e o Jardim-de-infância de Bairros. Nesta área, a comunidade e a freguesia está bem servida. No entanto, para prolongamento dos estudos, a juventude tem que se deslocar para as EB 2,3 do Cruzeiro ou Penafiel, sendo desejável que a zona ribeirinha ao Tâmega possui-se um estabelecimento de ensino para os 2º e 3º ciclos.

 

No âmbito social é uma freguesia muito necessitada?

A Associação para o Desenvolvimento da Freguesia de Boelhe tem procurado colmatar da melhor forma possível as necessidades sociais e culturais existentes na freguesia. A construção do novo "Centro Social de Boelhe", ao abrigo do programa PARES dará resposta a muitas valências vocacionadas para toda a comunidade, seja a juventude ou os nossos idosos.

Sendo que o problema mais grave prende-se com a toxicodependência que nos últimos tempos tem vindo a afectar muito a freguesia, tendo provado alguma insegurança na população boelhense. 

 

E ao nível do desporto?

A Associação Columbófila de Boelhe e o Futebol Clube de Boelhe têm desenvolvido muito a vertente desportiva, ocupando os tempos livres dos jovens de forma saudável. Com a construção do polidesportivo a freguesia de Boelhe poderá também contar com outras modalidades.

Presentemente, a comunidade impulsiona também a modalidade de futsal e, como no passado, surge agora uma formação de futebol feminino. 

 

Como avalia o desempenho das associações da freguesia?

O movimento associativo existente na freguesia está activo e a trabalhar em prol do desenvolvimento social, cultural, desportivo da freguesia de Boelhe, e isso tem sido uma mais-valia para a população boelhense e para o desenvolvimento da freguesia.

À volta das raízes e tradições de Boelhe, as iniciativas surgem e merecem o apoio de todos. O Rancho Folclórico, o futebol, a columbofilia, a acção cultural e social e todos os movimentos locais representam Boelhe junto das comunidades por onde actuam ou participam. 

 

Como está a freguesia em termos de abastecimento de água e saneamento básico?

A freguesia ao nível de abastecimento de água está servida quase na totalidade. Em termos do saneamento básico a freguesia está a zero, sendo claro que esta é uma das nossas principais prioridades para este mandato, compromisso assumido perante a população. 

 

Em relação á iluminação pública, a freguesia já viu compensadas as carências?

Um dos locais que está ainda bastante carenciado de iluminação pública é a Avenida de S. Brás e a área envolvente, sendo que também é necessário substituir as armaduras por outras mais modernas e resistentes em várias ruas da freguesia.

Presentemente, dentro das nossas limitações financeiras, iniciamos a colocação de algumas novas lâmpadas, mais económicas e vocacionadas para melhor eficiência na iluminação, como no caso de nevoeiro. 

 

E em termos de recolha de lixo?

A recolha de lixo está razoável, temos apenas alguns caminhos onde o transporte do lixo não passa devido à sua dimensão sendo necessário um transporte mais pequeno para conseguir percorrer todos os lugares da freguesia. Será nosso propósito melhorar diversos aspectos na recolha de lixo.

 

Na sua opinião o rio Tâmega pode constituir uma alavanca para a dinamização turística da freguesia?

Sim, sem dúvida. O rio Tâmega oferece uma paisagem lindíssima digna de ser visitada, apreciada e de livre acessos. Além disso, Boelhe é uma freguesia rica em termos de história, com vasto património e monumentos e a aposta no turismo pode ajudar na criação de mais postos de trabalho na freguesia.

 

Que projectos estão previstas ao nível turístico para a freguesia de Boelhe?

A divulgação e referenciação do seu património são uma realidade. Boelhe, além da Igreja Românica a S. Gens, monumento nacional e da Rota do Românico, possui as ruínas arqueológicas da Bouça do Ouro e a Capela de Passinhos, entre outros. Aliadas às fantásticas paisagens e o Tâmega para ser visitado, todos os projectos merecerão o nosso apoio.

Faltam concretizar alguns arruamentos, novos espaços verdes, limpezas e o despertar da atenção perante o nosso valiosíssimo património como fonte geradora de desenvolvimento.

No aspecto fluvial, junto com o parque de jogos de futebol de praia, por exemplo, a concretização de um arranjo na área envolvente à Praia da Granja possibilitará novos e agradáveis momentos de lazer e convívio no verão, seja a pesca, a prática de desportos náuticos ou canoagem. As verbas da Junta não chegam para tudo, são bastante limitadas, há que contar com o apoio das entidades e associações que aqui queiram apostar.

 

Na sua opinião um presidente de Junta deveria ter mais regalias?

Sim. Se tivermos em conta o elevado nível de responsabilidade dos presidentes de Junta ao exercer as suas funções ao serviço da população e não de si mesmo.

 

Qual é o seu desejo para a freguesia e para a população Boelhense?

Desejo sobretudo que um maior desenvolvimento da freguesia de Boelhe e que a população possa usufruir de uma melhor qualidade de vida.

  

Parque Urbano Padre Serra 

 

publicado por a nossa terra às 18:40

pesquisar neste blog
 
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
14
16

17
21
22
23

25
26
27
29
30

31


links
Força Portugal!
badge
blogs SAPO