Meio de informação e divulgação, aberto à iniciativa e participação da comunidade, procurando difundir a actividade local entre 22 de Junho de 2007 a 1 de Outubro de 2013. Obrigado a todos os 75.603 leitores.

25
Out 11

Mais oito juntas de Penafiel juntaram-se à Plataforma Contra a Extinção de Freguesias, que reúne já 26 órgãos autárquicos do distrito do Porto dispostos a travar uma reforma administrativa que classificam de "cega", foi hoje anunciado.

 

Em comunicado enviado à Lusa, o gabinete de comunicação da Junta de Freguesia de Leça da Palmeira, Matosinhos, anuncia que, "após a primeira semana de contactos, já mais de 20 presidentes de junta se juntaram ao Movimento pelas Freguesias".

Esta plataforma "Movimento, Freguesias Sempre!" foi lançada pelo autarca de Leça da Palmeira, Pedro Sousa, que espera que, "depois de dado o pontapé de saída, outras freguesias do país se manifestem contra os critérios constantes no Documento Verde da Reforma da Administração Local".

O movimento vai reunir pela primeira vez na quinta-feira, na junta de freguesia de Leça, "a maior freguesia do distrito a extinguir".

A Plataforma conta com a adesão dos presidentes das juntas de Leça e Guifões (Matosinhos), Sé e Vitória (Porto), Valadares e Oliveira do Douro (Gaia), Gondim (Maia), Soalhães (Marco de Canaveses) e S. Pedro da Cova e Valbom (Gondomar).

Fazem ainda parte as freguesias de Novelas, Rio Mau, Paço de Sousa, Croca, Marecos, Milhundos, S. Mamede de Recezinhos, Irivo, Boelhe, Peroselo e Duas Igrejas (Penafiel), bem como Besteiros e Parada de Todeia (Paredes), Fridão e S. Gonçalo (Amarante) e Reguenga (Santo Tirso).

Porto, 25 out (Lusa)

 

publicado por a nossa terra às 08:20


perfil

4 seguidores

pesquisar neste blog
 
Outubro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14

16
17
18
19
20
22

24
29



links
Força Portugal!
badge
blogs SAPO